Evangelho no lar e no coração

February 19, 2016

 

Evangelho no lar e no coração

 

“Quando o Evangelho penetra o lar, o coração abre mais facilmente a porta ao Mestre Divino.” Emmanuel

 

A importância do lar na educação moral

 

   É no lar que os Espíritos se reencontram,  sob o mesmo teto, na condição de pais, filhos e irmãos; nesse ambiente, são oferecidas as oportunidades de novo aprendizado moral, possibilitando aos reencarnados exercitarem no campo afetivo, a fraternidade, a solidariedade, enfim, os sentimentos derivados do amor. Assim, a função educadora e regeneradora da família é extremamente delicada e importante, quando se atribui à reencarnação a oportunidade de ascensão na  escala evolutiva, através de novas experiências, no campo intelectual e moral.

 

Coerente com essa visão, afirma Emmanuel: “A melhor escola, ainda é o lar, onde a criatura deve receber as bases do sentimento  e do caráter.”

 

Vários Espíritos de escol se manifestaram sobre a validade e conveniência da reunião em torno do Evangelho de Jesus, no lar; dentre eles podemos citar:

 

Emmanuel:  “O culto do Evangelho no Lar não é uma inovação. É uma necessidade em toda parte, onde o Cristianismo lance raízes  de aperfeiçoamento e sublimação.  (…) Quando o ensinamento do Mestre vibre entre as quatro paredes de um templo doméstico, os pequeninos sacrifícios tecem a felicidade comum.”

 

Bezerra de Menezes: “Trabalhemos pela implantação do Evangelho no Lar, quando estiver ao alcance de nossas possibilidades. (…) Trazer as claridades da Boa Nova ao templo da família é aprimorar todos os valores que a experiência terrestre nos pode oferecer.”

 

Os espíritas, em particular,  precisam compreender a necessidade do culto do Evangelho no Lar. Pelo menos, semanalmente, é aconselhável se reúna com os familiares ou com alguns parentes capazes de entender a importância da iniciativa, em torno da Doutrina Espírita, à Luz do Evangelho do Cristo e, sob a cobertura moral da oração.

 

Joanna de Ângelis, também se manifestou a respeito desse assunto e esclarece: “Pelo menos uma vez por semana, reúne a tua família e felicita-a com o Espiritismo, criando, assim, e mantendo, o culto evangélico, para que  a diretriz do Mestre seja eficiente rota de amor à sabedoria em tua casa.

 

E prossegue: E se desejares felicidade, na Terra, incorpora-o ao teu lar, criando um clima de felicidade geral.

 

Acende o sol do Evangelho em casa, reúne-te com os teus para orar e jamais triunfarão trevas em teu lar, em tua família, em teu coração.

 

Por fim, Bezerra de Menezes convida-nos à ação:

 

“Auxiliemos a plantação do Cristianismo no santuário familiar, à Luz da Doutrina Espírita, se desejamos efetivamente a sociedade aperfeiçoada amanhã.”

 

                                        

 

 FINALIDADE E IMPORTÂNCIA

 

- Estudar o Evangelho de Jesus possibilita compreender os ensinamentos cristãos, cuja prática nos conduz ao aprimoramento moral.

 

-  Criar em todos os lares o hábito de se reunir em família, para despertar e acentuar nos familiares o sentimento de fraternidade.

 

-  Pelo momento de paz que o Evangelho proporciona ao Lar, pela união das criaturas, propiciando a cada um uma vivência tranquila e equilibrada.

 

 -  Higienizar o Lar por pensamentos e sentimentos elevados e favorecer a influência dos Mensageiros do Bem.

 

- Facilitar no Lar e fora dele o amparo necessário diante das dificuldades materiais e espirituais, mantendo operantes os princípios da vigilância e da oração.

 

- Elevar o padrão vibratório dos componentes do Lar, contribuir com o Plano Espiritual na obtenção de um mundo melhor e tornar o Evangelho conhecido, compreendido, sentido e exemplificado em todos os ambientes.

 

“Quando o ensinamento do Mestre vibra entre quatro paredes de um templo doméstico, os pequeninos sacrifícios tecem a felicidade comum.”

 

COMO FAZER O EVANGELHO NO LAR?

 

• Escolha, na semana, um dia e horário em que a família possa se reunir durante mais ou menos trinta minutos.

 

• Crianças também podem fazer parte da reunião.

 

• Pode ocorrer a presença de visitantes ocasionais e, neste caso, podem ser convidados a participar;

 

• Há a possibilidade da reunião ser realizada por uma só pessoa – o roteiro a ser seguido é o mesmo.

 

ROTEIRO  PARA  A  REUNIÃO

 

Início da reunião – prece simples e espontânea.

 

Leitura de O Evangelho Segundo o Espiritismo – começar desde o prefácio, lendo um item ou dois sempre em sequência.

 

Comentário sobre o texto lido – devem ser breves e contando com a participação dos presentes, evidenciando o ensino moral aplicado às situações do dia-dia.

 

Vibrações – Pela fraternidade, paz e equilíbrio de toda a Humanidade, por todos os governantes e por aqueles que têm sob a sua responsabilidade crianças, jovens, adultos e idosos; pela implantação e vivência do Evangelho em todos os lares; pelo próprio lar dos participantes, metalizando paz, harmonia e saúde para o corpo e para o espírito.

 

Implantar, praticar e divulgar “O EVANGELHO NO LAR” é contribuir  para a construção da paz autêntica e duradoura em nós, na família e na Humanidade.   (Reformador, mar/2009)

 

 

 

 

 

O Evangelho no lar e sua importância para todos nós

 

Autor: Astolfo Olegário de Oliveira Filho

 

Um amigo nos pergunta qual é a importância do culto do Evangelho no lar para nós e nossos familiares.

 

A importância do culto cristão no lar é fundamental e um tema bem conhecido dos espíritas. Diz Bezerra de Menezes que muitos dos que partem para a vida espiritual, finda a existência corporal, costumam permanecer apresados à trilha corpórea. Encontram-se desencarnados, mas não libertos; invisíveis, mas não ausentes. A prece e a leitura de uma página do Evangelho podem, sem dúvida, ajudá-los muito na necessária readaptação à vida espiritual.

 

A origem do culto cristão em família encontramos em uma proposta de Jesus, como Neio Lúcio narra no cap. 1 de seu livro “Jesus no Lar”, psicografado por Francisco Cândido Xavier. No meio espírita, a ideia dessa prática nasceu com Allan Kardec, como o leitor pode ver na pág. 234 da “Revista Espírita de 1864”, tradução de Júlio Abreu Filho, publicada pela EDICEL.

 

Foi Joanna de Ângelis, contudo, quem primeiro descreveu os benefícios do culto cristão no lar, em linda página que compõe o cap. 59 de sua primeira obra – “Messe de Amor” –, psicografada por Divaldo Franco.

 

Eis o que a mentora espiritual do estimado confrade escreveu a respeito do assunto:

 

“Dedica uma das sete noites da semana ao Culto Evangélico no Lar, a fim de que Jesus possa pernoitar em tua casa. Prepara a mesa, coloca água pura, abre o Evangelho, distende a mensagem da fé, enlaça a família e ora. Jesus virá em visita.

 

Quando o Lar se converte em santuário, o crime se recolhe ao museu. Quando a família ora, Jesus se demora em casa. Quando os corações se unem nos liames da fé, o equilíbrio oferta bênçãos de consolo e a saúde derrama vinho de paz para todos.

 

Jesus no Lar é vida para o Lar. Não aguardes que o mundo te leve a certeza do bem invariável.

 

Distende, da tua casa cristã, a luz do Evangelho para o mundo atormentado.

Quando uma família ora em casa, reunida nas blandícias do Evangelho, toda a rua recebe o benefício da comunhão com o Alto. Se alguém, num edifício de apartamentos, alça aos Céus a prece da comunhão em família, todo o edifício se beneficia, qual lâmpada ignorada, acesa na ventania.

 

Não te afastes da linha direcional do Evangelho entre os teus familiares. Continua orando fiel, estudando com os teus filhos – e com aqueles a quem amas – as diretrizes do Mestre e, quanto possível, debate os problemas que te afligem à luz clara da mensagem da Boa Nova e examina as dificuldades que te perturbam ante a inspiração consoladora do Cristo.

 

Não demandes a rua, nessa noite, senão para os inevitáveis deveres que não possas adiar.

 

Demora-te no Lar para que o Divino Hóspede aí também se possa demorar. E quando as luzes se apagarem à hora do repouso, ora mais uma vez, comungando com Ele, como Ele procura fazer, a fim de que, ligado a ti, possas, em casa, uma vez por semana em sete noites, ter Jesus contigo.”

 

http://espiritismo-seculoxxi.blogspot.com.br/2012/04/o-evangelho-no-lar-e-sua-importancia.html

 

 

TESTEMUNHO DOMÉSTICO

 

“Por isso, enquanto tivermos oportunidade, façamos o bem

a todos, mas principalmente aos da família da fé.” Paulo.

(Gálatas, 6:10.)

 

Decerto que o apóstolo Paulo, em nos recomendando carinho especial para com a família da nossa fé, mantinha em vista a obrigação inarredável da assistência imediata aos que convivem conosco.

 

Se não formos úteis e compreensivos, afáveis e devotados, junto de alguns companheiros, como testemunhar a vivência das lições de Jesus, diante da Humanidade?

 

Admitimos, porém, à luz da Doutrina Espírita, que o aviso apostólico se reveste de significação mais profunda.

 

É que, entre os nossos domésticos, estão particularmente os laços de existências passadas, muitos deles reclamando reajuste e limpeza.

 

Na equipe dos familiares do dia-a-dia formam, comumente, aqueles Espíritos que, por força de nossos compromissos do pretérito, nos fiscalizam, criticam, advertem e experimentam.

 

Sempre fácil dar boa impressão a quem não prive intimamente conosco. Num gesto ou numa frase, arrancamos, de improviso, o aplauso ou a admiração de quantos nos encontram exclusivamente na paisagem escovada dos atos sociais.

 

Diante dos amigos que se despedem de nós, depois de uma solenidade ou de qualquer encontro formal, nada difícil cairmos desastradamente sob a hipnose de lisonja com que se pretende exagerar as nossas virtudes de superfície.

 

Examinemos, contudo, as nossas conquistas morais, demonstrando-as perante aqueles que nos conhecem os pontos fracos.

 

Não nos iludamos.

 

Façamos o bem a todos, mas provemos, a nós mesmos, se já somos bons, fazendo o bem, a cavaleiro de todos os embaraços, diante daqueles que diariamente nos acompanham a vida, policiando o nosso comportamento entre o bem e o mal.

 

Emmanuel

Psicografia de Francisco C. Xavier, Palavras de vida eterna, FEB.

Please reload

Featured Posts

Palestra com o Tema: Amando Sempre

September 3, 2017

1/10
Please reload

Recent Posts

May 22, 2015

March 23, 2015

Please reload

Search By Tags
Please reload

Follow Us
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic